Empáfia

Completo a linha do meu raciocínio para me afastar da turbulência dos meus pensamentos. Logo, eles darão lugar à segurança dos compromissos enumerados em minha agenda. Às 14 horas devo listar os relatórios com os resultados de janeiro, às 15 horas devo confirmar o voo de sábado à Brasília. Já o das 16 exige cautela:  confirmar viagem a trabalho com José Carrera. Passeio por entre as próximas anotações e meus devaneios. Onde se lê: viajar a trabalho, leia-se frio na barriga ao lado de Carrera, onde soberba e prepotência caminham em meio a um sorriso atraente.

Passos interrompem a subjetividade dos meus delírios e dão lugar à imagem do redator-chefe diante de meus olhos. Se não bastasse o rosto enfurecido, trazia em mãos uma lista de recomendações sobre a produção da matéria que seria realizada no palco dos gatunos profissionais: redobrar a atenção na descrição dos fatos, escolher bem as palavras para que soem de maneira poética e que tragam experiências nostálgicas ao leitor. Penso em responder à altura estas infames recomendações: como expressar simplicidade numa cidade que cheira corrupção? Como se fazer poeta em meio a uma plantação de desonestidade? Como exercer a compaixão a quem só pensa no enriquecimento ilícito?

Após os intermináveis trinta minutos de aconselhamento em junção a uma dor de cabeça intermitente, sigo a programação do trabalho. Faço promessas internas de que somos colegas, talvez amigos de trabalho. Que as gentilezas que vejo surgir em meio às atitudes misóginas de Carrera são somente obras do acaso. Ensaio possíveis diálogos com formalidade, não há tempo para distrações, estamos em guerra, há uma matéria de capa em jogo! Minhas escolhas e sentimentos não terão vez, só há espaço para racionalidade. Em uma fração de segundos aterrisso destes devaneios, porém desta vez com uma imagem mais estonteante e por vezes desprezível diante de mim. Tento me recompor a partir de um sorriso forçado dizendo: Procura algo, José?, Já que trabalharemos juntos no editorial de Brasília, gostaria de propor ideias de pauta. Penso que se pontuarmos um caminho juntos, teremos um resultado melhor ele respondeu.

Então outra vez os pensamentos voltam a me perseguir, há uma bondade que caminha junto à arrogância dele, é nítida! Devo baixar a guarda e aceitar o surto de benevolência repentina? Decido então, ceder a ela.

Entre as sugestões de pautas e busca de dados, surgem histórias sobre uma família engraçada, Carrera discorre um amor que me trouxe interesse em conhecê-la. Nem sabia que tinha família, uma mãe carinhosa e participativa foi na certa boa influência, mas onde estaria o erro em suas atitudes? Nem todas são terríveis, ok. Oferecer carona até o aeroporto levando em conta a distância entre nossas casas, até que é um bom exemplo.

Duas horas se passaram e minha empatia tomou o lugar da empáfia que por vezes sentia por aquele homem. Seu discurso a favor da esquerda podia agregar em algo. Ideias de novas fontes, talvez anônimas? Onde estaria sua imparcialidade nas pautas, não sei. Mas que seus belos olhos eram dispersivos a mim, tenho que concordar. Dos últimos preparativos, saltamos às despedidas e recomendações sobre o horário de chegada ao aeroporto, já na manhã seguinte.

Meu principal objetivo nesta matéria, era desafiar-me como profissional, fazia tempos que me rendia à rotina daquela redação: encararia a viagem como uma inspiração para meu retorno ao sucesso, além de estreitar vínculos com Carrera. Fiquei convencida de que ele é um bom candidato à futuras parcerias. Profissionais, é claro! Isso se conseguir me desvencilhar do perfume impregnado em meu vestido e da respiração ofegante que as lembranças deste fim de reunião me causaram. Adormeço lembrando das suas mãos percorrendo meu corpo.

Anúncios

2 comentários sobre “Empáfia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s